quarta-feira, junho 06, 2012

Agora é quase oficial, saiu no Una na Mídia: Dejair desiste da reeleição.

Una, 06 de Junho de 2012

Amigos e amigas do Blog Atitude em Una, primeiramente gostaria de dá meus parabéns ao fundador dos blogs de sucesso na nossa cidade, o amigo Rene Medeiros, mesmo estando em lados opostos na política, somos filhos de Una, e a consideração entre os blogueiros tem que existir sempre. 

A notícia que vocês verão abaixo foi tirada do Blog Una na Mídia, não é a posição do Blog Atitude em Una, mas como o Blog Atitude em Una antecipou em postagens anteriores (reveja aqui Una em polvorosa 1, Una em Polvorosa 2, Una em polvorosa 3 e Tiro pode sair pela culatra) o fato realmente está batido o martelo, vejam abaixo:


Acometido a problemas de saúde, o Prefeito de Una, Dejair Birschner (PP) desiste da possibilidade de candidatar-se ao cargo de prefeito novamente, porém atendendo os anseios de seu grupo político, confirma o compromisso em apoiar a pré-candidatura  do vice Beto Careca (PSL).


Dejair e Beto Careca


Dejair está prefeito pela terceira vez no município de Una, com a marca do progresso em sua administração, o prefeito enfrenta problemas financeiros do município deixado pela gestão de seu antecessor e foi obrigado a sacrificar um boa parte da arrecadação em negociação junto ao INSS. Ademais com a queda do FPM, devido perda de habitantes acusada no último censo, ficou quase impossível cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal.

As ultimas pesquisas apontam a reeleição do atual prefeito, porém ele atravessa problemas de saúde, inclusive deve realizar uma bateria de exames, conforme informações do filho Tiago Birschner. O Prefeito afirma que é preciso dar continuidade a responsabilidade administrativa do seu governo e não pretende entregar o município a qualquer pessoa, por isso decidiu apoiar juntamente com o grupo a pré-candidatura de Beto Careca, por considerar um homem de bem, responsável e da sua confiança. Beto tem vasta experiência na administração pública, devido prestar serviço ao município a quase 30 anos e com formação em contabilidade pública.


COMENTÁRIOS DI RUSCIOLELLI

Bem quanto a liderar as pesquisas, não é bem assim, ao mesmo tempo que Dejair chegava a um patamar de até 20% ele tem uma rejeição pessoal como candidato de mais de 40%, e uma rejeição de governo de quase 70%, ou seja ele não lidera as pesquisas com folga, até porque os outros pré-candidatos, estão apenas dois ou três pontos atrás dele, sendo um deles o ex-prefeito Zé Pretinho, que dentre todos os outros tem uma rejeição elevada também, e os novatos pré-candidatos e pré-candidata, estão bem nas pesquisas e o detalhe não apresentam rejeição.
E também boa gestão??? (risos) sobre isso não preciso comentar, afinal N postagens aqui já disseram sobre isso.

2 comentários:

  1. GRAÇA A DEUS UNA VAI SE LIBERTA DA FAMILIA BIRCHINER, ESSA FAMILIA SO VEIO A UNA PARA DESTRUIÇÃO DO MUNICIPIO, PRIMEIRO ELES CHEGARAM DESMATANDO E ACABANDO COM TUDO, SEGUNDO ACABARAM COM NOSSA CIDADE, NAO FEZ NADA E ALEM DISSO DESMANCHOU O QUE TAVA PRONTO, EXEMPLO É A DA RUA DAVID FUCHS QUE TA SENDO UMA VERGONHA, COMO A FAMILIA BIRCHINER TA SE DESPEDINDO DE UNA, PORQUE TENHO CERTEZA QUE A POPULAÇAO DESSE MUNICIPIO TEM VERGONHA NA CARA E NUNCA MAIS VAI DEIXAR ESSA FAMILIA SE INFILTRAR-SE NA ADMINISTRAÇÃO DESSA CIDADE. VIXE: JA IA MIM ESQUEÇENDO, DJAIR MEU QUERIDINHO VENDE TUDO QUE VOCE TEM AQUI EM UNA E VAI DE UMA VEZ, VOCE SABE QUE A POLITICA PRA VOCE ACABOU, AGORA FICA DANDO DESCULPA DE CUIDAR DA SAUDE, MIM DEIXE..., O CARLISMO ACABOU NA BAHIA A MUITO TEMPO, AGORA É A VEZ DO BIRCHISMO SER ELIMINADO EM UNA. TCHAU FAMILIA BIRCHINER ATÉ NUNCA MAIS...

    ResponderExcluir
  2. PREFEITURA DE UNA ABANDONA CAMPONESES

    Assentados agrícolas de Una reclamam do descaso que a prefeitura trata o movimento da Frente de Luta Camponesa do município.
    Os grupos de assentados trabalham em mais de onze projetos no campo, onde são produzidos produtos para subsistência das famílias ou são comercializados na cidade, fazendo girar a economia local.
    Segundo líderes do movimento, com os créditos do governo federal os assentados puderam aperfeiçoar as técnicas de trabalho, produzindo e ganhando mais.
    Apesar de tantas vitórias no campo, o movimento convive com a omissão da prefeitura.
    Faltam escolas adequadas, crianças estudam em barcaças de secagem de cacau, os postos de saúde não funcionam, os estudantes não contam com transporte, várias estradas estão inacessíveis, e os repasses das verbas federais sempre atrasam.

    fonte==>>http://www.blogdogusmao.com.br/v1/2012/01/17/prefeitura-de-una-abandona-camponeses

    ResponderExcluir